• Artes-manuais

    Sente-se com a gente e se aconchegue para praticar, conversar, sentir e pensar

    com as artes-manuais e os seus muitos fios e entres.

  • Artes-manuais

    Aqui você conhece nosso processo junto a produção e circulação de conhecimento nas artes-manuais

    Pós-graduação

    Educação e Terapias

    As pós-graduações em Artes-Manuais são coordenadas pela Profa. Dra. Nina Veiga, é certificadas pela FACON - Faculdade de Conchas.

     

    As aulas são mensais e acontecem, aos sábados e domingos, de maneira presencial em escolas parceiras em São Paulo/SP.

     

    No momento ocorrem dois cursos:

    Nossos processos atuam com ênfase na visibilidade e reconhecimento das artes-manuais, sistematizando seu conhecimento dentro e fora da escola e da clínica como ação legitimadora e necessária.
  • Fundamentos de nossa ação

    A composição de nosso modo de existir contempla o pensar, o sentir e o querer

    Pensar

    o trabalho artesanal possui técnica, arte e saberes historicamente constituídos, porém, mesmo com toda sua riqueza artística e tecnológica, percebe-se que a cultura popular das artes-manuais nem sempre se encontra presente de modo sistemático e legitimado nos âmbitos da educação e da terapia.

    Sentir

    o exercício interdisciplinar das artes-manuais, ampliando sua prática docente e terapêutica, de modo a poder incluir no currículo escolar, nos consultórios terapêuticos a nas atividades fora da escola e da clínica ações que contemplem com igual valor o pensar, o sentir e o agir.

    Querer

    o estímulo à recolha cultural, impulsionado pela ênfase na pesquisa, é ação querida e relevante, a colaborar na composição de um acervo de técnicas e usos das artes-manuais e sua aplicação na educação e nas terapias.

  • Coordenação

    Conheça a trajetória de Nina Veiga, idealizadora e coordenadora dos cursos em artes-manuais

    Ana Lygia Vieira Schil da {Nina} Veiga,

    Doutora em educação, escritora e educadora Waldorf, com oficinas e workshops ministrados em diversos países e no Brasil. Tem livros e diversos artigos publicados. Suas crônicas são impressas no semanário mineiro Trespontano, desde 1996. Há mais de vinte anos, em seu atelier pedagógico-terapêutico, cria peças e instalações em arte do fio, além de brinquedos inspirados no conhecimento antroposófico, a levar em conta a imagem ampliada do ser humano e as necessidades da criança contemporânea.

     

    Valoriza o trabalho das mãos em contato com materiais e concepções que possibilitem a composição de uma ética, de uma estética e uma política que promova a vida de qualidade.

     

    Mestre em Cultura e Linguagem e psicopedagoga artística, doutorou-se pela Universidade Federal de Juiz de Fora e Universidade de Lisboa (veja a tese Fiar a escrita). É investigadora das artes-manuais e da literatura no IELT, Instituto de Estudos de Literatura Tradicional, da Universidade Nova de Lisboa, em Portugal.

     

    Apoia grupos e instituições na arte de sintonizar pensar, sentir e agir. Desenvolve trabalhos de formação pessoal e profissional, especialmente para artífices e escritores no Brasil e no exterior.

     

    Suas oficinas associam o saber teórico-conceitual às artes manuais como modo de existir e à escrita como produção de si e do mundo.

  • Fiar a escrita

    Políticas de narratividade – exercícios e experimentações entre arte-manual e escrita acadêmica. Um modo de existir em educações inspirado numa antroposofia da imanência.

  • Equipe

    Karla Santori

    Modos de ser e viver

    Mãe de 2 filhos, formada em Matemática, é especialista em Artes-Manuais para a Educação. Atualmente atua como artesã. Vive as artes-manuais desde muito pequena e a intenção é propagar conhecimento. É autora do livro Artes-manuais e seus encontros.

    Luciana Aguilar

    Políticas de Narratividade

    Mãe do menino encantador, que ensina diariamente sobre a vida. Profissional de Comércio Exterior, descobrindo sua Arte-manual e escritora em segredo. É especialista em Artes-Manuais para a Educação. É autora do livro  Meu avesso, arte-manual, organização do pensar e do sentir

    Vinicius Airuman

    Experimentações

    Escreve, costura e dobra. Participa do mínimo diário, coletivo de outras artes-histórias, no qual encaderna, publica livros e orienta oficinas. Pesquisa os entres das artes-manuais, narrações de histórias e escritas de si. Especialista em Artes-Manuais para a Educação. É autor do livro Encarnação, pistas para livr_

All Posts
×